Eu no FACEBOOK

segunda-feira, 4 de maio de 2020


CRÔNICA DO CORONA


                                                
                                                               
                                                                  “FICA EM CASA”

                                                   Marco Aurélio Bicalho de Abreu Chagas

No alpendre da casa da esquina, tem um papagaio, quem passa pela rua, a ave grita: "fica em casa".

O pássaro falante, segundo o seu dono, de tanto ouvir na tv sobre a quarentena, aprendeu a dizer a frase, hoje, um mantra: "fica em casa!"

O caso viralizou e quem mora na região, quando vai ao supermercado, ali perto, faz questão de passar naquela esquina para ver o papagaio alertar: " fica em casa!"

A cena tomou tal vulto que nas redes sociais só se postava isso.
A casa da esquina passou a ser uma atração. Todos queriam ver e ouvir o papagaio dizer a famosa frase.

O número cada vez crescente de pessoas que por ali passavam chamou a atenção das autoridades da prefeitura local e os transeuntes foram convidados a não transitar pelo local, pois comprometeria as medidas tomadas para conter a pandemia.

Aos pouco os pedestres foram se afastando, mas alguns que pelo lugar passavam, faziam questão de tirar fotos e filmar aquele papagaio que incansavelmente repetia, a todo o instante: “fica em casa!”

Quem diria que uma ave fosse contribuir com os humanos, alertando-os para que ficassem em casa para não se contaminarem, comprometendo a própria vida.

Que exemplo eloquente da natureza, de colaboração. Todos os seres deverão fazer a sua parte para que o ambiente em que vivemos seja um oásis de paz.

Vivemos neste Planeta que é a nossa casa e os seres que nele habitam, cada um, tem uma missão a cumprir, contribuindo para a sua preservação, permitindo que vivamos felizes nesta Terra.

“Fica em casa” é o lema que restará dessa quarentena, lembrando que essa “casa” há de ser o refúgio e o nosso porto seguro, lugar em que encontraremos o necessário para repormos as energias despendidas na luta diária pela vida e por nossa subsistência.

No futuro, passada essa onda dramática, iremos nos recordar daquele papagaio da casa da esquina que, incansavelmente, avisava a todos que circulavam por aquela rua para ficarem em casa, preservando a saúde e cuidando para que o Corona Virus não disseminasse, contagiando a muitos humanos.

Esse animalzinho de penas que imita a voz humana nos deixou um lindo exemplo de persistência, mostrando a nós que podemos com os recurso que contamos, por pequenos que sejam, possamos servir aos demais, para o bem de todos, sem distinção. Essa ave, com as cores de nossa bandeira, fez com sua voz, o bem sem olhar a quem. Que belo exemplo a seguir!

***

4 comentários:

Daiana disse...

Adorei!! Vou compartilhar com meus alunos... Fiquem em casa,galera!

Unknown disse...

Amei!!! Como sempre tecendo palavras de forma melodiosa e poética Só quem tem o olhar sensível é capaz de transmitir com tanta delicadeza o real endurecido. Obrigada por trazer suavidade. Beijo enorme. ❤️

Unknown disse...

Na natureza todas as partículas coloboram entre si. Nós humanos, devíamos seguir sempre esse exemplo.
Ótima crônica!

Unknown disse...

O Poeta, naturalmente, pinça a ave, enaltecendo a natureza que nos alerta!

LINKEDIN

LINKEDIN
CONSULTA pelo WhatsApp (31) 99612-2347

Marco Aurélio Chagas

Marco Aurélio  Chagas
Sócio Fundador desde 1976

CONSULTA pelo WhatsApp

CONSULTA pelo WhatsApp
(31) 99612-2347 - AGENDE UMA CONSULTA

Eu no Twitter

LIVROS DE MINHA AUTORIA

LIVROS DE MINHA AUTORIA

CUNHA PEREIRA & ABREU CHAGAS - Advogados Associados

Palestra: PROCESSOS

Palestra: PROCESSOS

Meus Livros

Seguidores

HISTÓRIA DO ESCRITÓRIO

HISTÓRIA DO ESCRITÓRIO
ABREU CHAGAS & TARANTO